sexta-feira, Agosto 01, 2014

Ballet & Magia




Durante as férias de verão estaremos por aqui com menos frequência.
Mas, este será um mês de férias cheio de magia.
Com votos de boas férias, aprecie o excelente espectáculo que nos é proporcionado por esta bailarina. Está com roupa de bailarina e em pontas a maior parte do tempo e mesmo assim consegue proporcionar-nos um excelente show de magia.
É o que se chama uma bailarina mágica! Ora veja.

quinta-feira, Julho 31, 2014

O Tempo Morto é um Bom Lugar

Amanhã começam as férias de Verão para muitos portugueses. Para uma tarde de verão tranquila e bem passada nada como a leitura de um bom livro.
"O Tempo Morto é um Bom Lugar" é o mais recente livro de Manuel Jorge Marmelo e narra a história de um jornalista desempregado que se vê envolvido com a estrela de um reality show com o fim de lhe escrever a autobiografia. 
Manuel Jorge Marmelo (escritor e jornalista português) foi galardoado, recentemente, com o Prémio Correntes d’ Escritas/Casino da Póvoa 2014, pelo romance "Uma Mentira Mil Vezes Repetida". 
Sinopse:
"Depois de acordar ao lado do cadáver de Soraya - a mestiça belíssima, estrela televisiva, com quem mantinha uma relação íntima a pretexto de lhe escrever a autobiografia -, o jornalista desempregado Herculano Vermelho entrega-se à polícia e é preso. Não tem memória de nada, nem de que possa ter sido ele a matar a jovem mulher, mas a prisão parece-lhe ser o lugar ideal, o espaço de sossego e de liberdade (sem contas para pagar, sem apresentações regulares no centro de emprego, sem pressões de qualquer espécie), para passar a sua vida em revista, a relação com as mulheres, e escrever a autobiografia da rapariga morta".



quarta-feira, Julho 30, 2014

No Entardecer dos Dias de Verão

No entardecer dos dias de Verão, às vezes,
Ainda que não haja brisa nenhuma, parece
Que passa, um momento, uma leve brisa...
Mas as árvores permanecem imóveis
Em todas as folhas das suas folhas
E os nossos sentidos tiveram uma ilusão,
Tiveram a ilusão do que lhes agradaria...
Ah, os sentidos, os doentes que vêem e ouvem!
Fôssemos nós como devíamos ser
E não haveria em nós necessidade de ilusão ...
Bastar-nos-ia sentir com clareza e vida
E nem repararmos para que há sentidos ...
Mas graças a Deus que há imperfeição no Mundo
Porque a imperfeição é uma cousa,
E haver gente que erra é original,
E haver gente doente torna o Mundo engraçado.
Se não houvesse imperfeição, havia uma cousa a menos,
E deve haver muita cousa
Para termos muito que ver e ouvir ...
Alberto Caeiro -  "O Guardador de Rebanhos - Poema XLI" 

terça-feira, Julho 29, 2014

É Preciso Saber Viver

Os "Titãs" são uma banda, brasileira, de rock formada em São Paulo, em 1982. Com uma vida de 32 anos, tornou-se uma das quatro maiores bandas de rock do Brasil ao lado d' Os Paralamas do Sucesso, Barão Vermelho e Legião Urbana.
Algumas das suas músicas de maior sucesso são: Sonífera Ilha, Flores, Polícia, Família, Comida, O Pulso, Go Back, Domingo, Enquanto Houver Sol, Homem Primata, Bichos Escrotos, Cabeça Dinossauro, Pra Dizer Adeus, Marvin, Epitáfio, Diversão, Porque Eu Sei Que é Amor e Televisão. De destacar ainda, "É Preciso Saber Viver", que é uma versão da música de Roberto Carlos/Erasmo Carlos e que eu lhe proponho que oiça, hoje.
Aprecie então esta versão dos Titãs.

segunda-feira, Julho 28, 2014

O Estoril de Hoje

O Estoril foi uma freguesia portuguesa do concelho de Cascais, que tinha como orago Santo António. Contava com com 8,79 km² de área e 26 397 habitantes (2011). Foi extinta em 2013, no âmbito de uma reforma administrativa nacional, tendo sido agregada à freguesia de Cascais, para formar uma nova freguesia denominada União das Freguesias de Cascais e Estoril, com a sede em Cascais.
Desta freguesia fazem parte, entre outros, os lugares de S. João do Estoril, S. Pedro do Estoril e Monte Estoril.
O Estoril de hoje dispõe de alguns atractivos e pontos de interesse. De referir, nomeadamente, a sua proximidade da capital, uma rede eficiente de transportes e acessos rodoviários, o Parque Natural de Sintra-Cascais, de rara beleza, inúmeras infra-estruturas hoteleiras de 4 e 5 estrelas, o maior Casino da Europa, um autódromo e vários campos de golfe de grande prestígio.
Estoril. Um lugar. Mil sensações, é  um  vídeo de 7 minutos, que lhe permite conhecer a região do Estoril, com todas as suas potencialidades desportivas, culturais e de lazer. Uma gastronomia sublime, um povo hospitaleiro e simpático e um clima fantástico, fazem deste um destino privilegiado.

domingo, Julho 27, 2014

A Ave-Lira

Ave-lira ou pássaro- lira, é o nome popular de uma ave endémica da Austrália (parte oriental) e que habita zonas arbustivas e de florestas (Victoria e de Queensland).
Possui um dimorfismo sexual bastante acentuado, pois só os machos têm as penas da cauda em forma de lira, enquanto as fêmeas, que são menores, não possuem plumas na cauda.
Voam muito pouco e escavam o solo em busca de vermes e insectos de que se alimentam. Esta espécie é muito conhecida pela sua magnífica capacidade de imitar muito bem, quase qualquer som. Estas aves são peritas na arte de imitar e fazem-no melhor do que os papagaios, pois imitam além da voz humana outros sons, como o ladrar dos cães e até o ranger de uma porta. Todas as suas imitações são tão boas que chegam a ser uma cópia exacta do original. Frequentemente animais das outras espécies imitadas, são totalmente enganadas. A ave-lira é capaz de, como já referi,  imitar quase qualquer som.  Sons tão diversos como serras, motores, alarmes, sirenes de incêndio, tiros de espingarda e até o choro de bebés.
O macho acasala com várias fêmeas e não participa dos cuidados com os filhotes. O pássaro-lira é um dos maiores pássaros e, o macho polígamo tem uma cauda muito elegante, que leva sete anos para se desenvolver completamente.

sábado, Julho 26, 2014

A Ilha de Reunião: a ilha intensa

Ilhas Mascarenhas é a designação dada a um conjunto de ilhas que formam um vasto "arquipélago" localizado a sudoeste do Oceano Índico, a leste de Madagáscar.  Apesar do nome comum, as Mascarenhas não constituem um verdadeiro arquipélago, sendo antes um conjunto de vários arquipélagos vizinhos que agrupa ilhas com uma estrutura geológica e uma história muito diferenciadas, embora com uma origem comum e constituindo uma região biogeográfica distinta.
As ilhas Maurícia, Agalega, São Brandão (Cargados Carajos) e Rodrigues formam a República da Maurícia. Já a ilha Reunião é um departamento francês no Oceano Índico, localizado a leste de Madagáscar.
A ilha de Reunião, cuja capital é Saint-Denis, é uma das duas maiores ilhas, das Ilhas Mascarenhas, sendo o seu vizinho mais próximo a outra: a Maurícia. A Reunião tem, no entanto, várias dependências, espalhadas ao redor de Madagáscar, no Índico e no Canal de Moçambique. Tem estatuto de região administrativa, e uma extensão de 2510 km2, estando situada a cerca de 800 km a leste de Madagascar.
A ilha tem uma forma ovalada e é atravessada por duas zonas montanhosas principais: Cirques de Cilaos, Salazie e Mafate, e a zona vulcânica em redor do Piton de la Fournaise.
Reunião foi visitada, embora não colonizada, por marinheiros europeus (portugueses), árabes e polinésios, e foi reclamada pela primeira vez em 1644 pela Companhia Francesa das Índias Orientais, que levou à ilha colonizadores franceses e escravos africanos.
Em 1764 a ilha passou a ser governada diretamente pela França, e as revoltas de escravos que se produziram propiciaram a fuga de muitos para o interior e o estabelecimento dos seus próprios povoados. A ilha experimentou uma forte crise, quando a escraturao foi abolida em princípios do século XIX, e os franceses tiveram de importar mão de obra hindu que acabou por modificar a composição demográfica da ilha.
Após a 2ª Guerra Mundial, a ilha de Reunião passou a ser um departamento francês. Desde os anos 70 que têm surgido enormes pressões de todos os partidos de esquerda, no sentido da ilha obter uma maior autonomia. Se quiser ficar a conhecer melhor esta bela e intensa ilha, veja com atenção, a apresentação que se segue.