domingo, maio 30, 2010

Paixão em Santorini

Hoje proponho-lhe três formas falar de paixão. A primeira através de uma história de amor entre dois polvos. A segunda é um pequeno filme de animação que nos conta de forma exemplar esta bela história de amor. A outra é o prazer e a paixão que as viagens podem proporcionar, quanto mais não seja em sonhos ou através da net. O local por trás destas paixões é Santorini. Esta ilha é o elo de ligação entre estas três formas de paixão: o cinema, as viagens e um história bem contada. Como vai ver, Santorini é uma terra que suscita paixões.Paixões de vários tipos.
Santorini ou Santorino é um arquipélago vulcânico circular localizado no extremo sul do grupo de ilhas gregas das Cíclades, no mar Egeu, a cerca de 200 km a sueste da cidade de Atenas.Tem uma área total de aproximadamente 73 km² e uma população de 13.600 habitantes (2001). Deve o seu nome a Santa Irene, nome pelo qual os venezianos a denominavam. Era anteriormente conhecida por Kallístē (que em grego significa "a mais bela"). Santorini é também o vulcão mais activo do denominado Arco Egeu. A forma actual da ilha deve-se, em grande parte, à erupção que ocorreu há aproximadamente 3.500 anos atrás. Em Santorini pode passar o dia entre ruínas arqueológicas, a bronzear-se ao sol numa espreguiçadeira junto ao Mar Egeu, a subir a pé ou no lombo de um burrinho do Porto de Skala Firon até o centro de Fira. Deve passar o final do dia, na vila de Óia. Aí pode refrescar-se com a brisa fresca ou banhar-se numa piscina construída sobre o mar. Aprecie então o pôr do sol, de preferência com uma tacinha de vinsanto (o vinho fortificado local) na mão. Imagine (ou veja) o sol enorme, a descer lentamente até desaparecer no mar atrás da vila. Observe, então, as tonalidades que o céu adquire. Os tons que vão do vermelho ao roxo e do rosa ao lilás. É um espectáculo deslumbrante. Tudo o que sempre imaginou sobre as ilhas gregas está aqui: as casas brancas orladas a azul, as igrejinhas com cúpulas azuis, os sinos e os gatos. Mas, se quiser desfrutar de praia vá até à mais badalada: Red Beach. É uma praia de areia vermelha porque o arquipélago é de origem vulcânica, por isso, as praias têm areia escura. Se Marte tivesse praia, provavelmente seria como Red Beach, na extremidade sul, uma pequena baía de águas verdes emoldurada por uma falésia... vermelha, claro. Mas, continue a passear-se pelas encantadoras vilas encarrapitadas no alto das montanhas. É ali, nas vielas e nos becos tortuosos, nos cafés e nos terraços ou varandas debruçados sobre o mar, que está todo o charme da ilha. O encanto de Santorini está na sua geografia. Se não gosta de andar de burro ou a pé alugue um quadriciclo. Deste modo, fácil, divertido e barato pode conhecer a ilha toda. Pode passear-se por ruas floridas e de casas impecavelmente caiadas com fachadas de portas coloridas e flores nas janelas. Se tiver oportunidade, puder e quiser, vá de barco. Vai conseguir observar a melhor vista de Santorini.
Agora, veja como tudo isto e muito mais, está retratado neste pequeno filme de animação.
video

Sem comentários: