quinta-feira, dezembro 17, 2009

Évora de Antigamente

Évora é uma cidade portuguesa situada na região Alentejo. É a capital do Distrito de Évora e sede de um dos maiores municípios de Portugal. Tem uma área de 1307,04 km² e 54.780 habitantes. É conhecida como Capital do Alentejo ou Cidade-Museu e encontra-se a 130 km de Lisboa.
A parte da cidade de Évora que fica entre muralhas conserva bastantes traços dos seus tempos mais antigos, incluindo monumentos de várias épocas. O centro histórico de Évora faz parte da lista da UNESCO das cidades património mundial da humanidade.
Évora foi habitada no tempo dos romanos, tendo sido chamada Liberalitas Julia. Deste período restam inúmeros vestígios dos quais se destaca o templo romano conhecido por Templo de Diana. Durante as invasões bárbaras, Évora esteve sobre domínio visigodo. Em 715 d.C. a cidade foi conquistada pelos mouros.
Évora foi tomada aos mouros por Geraldo Sem pavor em 1166 e tornou-se durante a Idade Média uma das mais prósperas cidades do reino, principalmente durante a dinastia de Avis (1385-1580). A Universidade de Évora foi fundada, em 1551, pelos Jesuítas. Em 1759 foi encerrada por ordem do Marquês do Pombal, aquando da expulsão dos Jesuítas (só voltou a ser reaberta em 1973). O século XVIII marcou o início do declínio da cidade de Évora.
A testemunhar a dinâmica histórica e cultural das várias épocas, ficaram os muitos e belos monumentos realizados por diferentes artistas.
O vídeo que escolhi para hoje mostra a Évora do antigamente. Não o perca é um excelente testemunho de um passado não muito distante.

video

Sem comentários: